Claudio Nasajon

Bom feedback é baseado em fatos, não em opiniões

Quando alguém pede um feedback, normalmente quer saber como pode melhorar da próxima vez.

Então, para ser útil, é preciso que você entenda o que é importante para essa pessoa e separar isso das suas próprias crenças e preferências pessoais.

Enfatize fatos, não interpretações.

Isso significa ficar longe de comentários subjetivos como faltou confiança, por exemplo.

Mesmo se você achar que o comportamento decorreu da falta de confiança, essa é apenas a sua opinião e pode ou não ser correta.

Em vez de dar opiniões, aponte fatos específicos: você não se posicionou durante a reunião, por exemplo.

E mais: sempre garanta que seu feedback inclua notas positivas. Para o seu colega melhorar, precisa saber o que deve mudar, mas também é fundamental que saiba o que faz bem e deve ser mantido.

Para mais dicas sobre negócios, inscreva-se aqui.

Até a próxima!

Comentários

comentários

Gestão & Negócios

Mentoria online

Toda quarta-feira, das 15h às 16h (BRT)
sessões online AO VIVO com Claudio Nasajon

Tire suas dúvidas, receba orientações e conheça estudos de casos para aplicar no seu próprio negócio.

Pílulas de Gestão

Para receber gratuitamente, por e-mail e SMS, vídeos, artigos e dicas sobre empreendedorismo e gestão empresarial, preencha os dados a seguir.

Sou contra SPAM! Seus dados estão seguros comigo.

Podcast “Gestão Empresarial” no iTunes

Siga-me no Facebook

Siga-me no YouTube