Fique atento à personalidade de seus empregados

Alguns funcionários são incrivelmente onerosos para as organizações – não por ganhar muito, mas porque contaminam o ambiente de trabalho, tratam mal os clientes e até geram custos com litígios que valem muitas vezes o seu salário.

Por isso é essencial criar mecanismos para identificá-los antes que eles entrem na empresa.

Quando você entrevistar um candidato, fique atento a sinais de incivilidade. Além das perguntas normais da entrevista de emprego, procure saber também como o candidato tratou a recepcionista e os demais candidatos que estavam na sala, por exemplo.

Finalmente, uma recomendação expressa: sempre verifique as referências. Ligue para os empregos anteriores e peça para que falem do caráter da pessoa.

Dessa forma, você tende a prevenir problemas, em vez de ter que resolvê-los.

Se tiver interesse, inscreva-se aqui: claudionasajon.com.br/inscreva-se

Até a próxima!

Relatorio Gestão de Valor

Assine o relatório “Gestão de Valor” e receba mensalmente, por e-mail, um passo a passo detalhando uma estratégia para tornar a sua empresa mais rentável, escalável e autogerenciável!

claudionasajon.com.br/gestaodevalor

Comentários

comentários

Empresas podem dar retornos bem superiores aos do mercado financeiro, mas é preciso saber identificar oportunidades. A partir de R$ 10mil é possível investir em negócios que, no meu caso, deram retorno de 10x, 20x e até 64x. Para conhecer o método, clique na imagem.

Pílulas de Gestão

Para receber gratuitamente, por e-mail, vídeos, artigos e dicas sobre empreendedorismo e gestão empresarial, preencha os dados a seguir.

Sou contra SPAM! Seus dados estão seguros comigo.

Podcast “Gestão Empresarial” no iTunes

Quanto vale a sua empresa? Faça este teste e descubra!

Teste de estresse

Conheça o seu nível de estresse clicando na imagem abaixo e respondendo a algumas poucas perguntas.

Teste de autismo

Conheça a relação entre as suas habilidades técnicas e capacidade de socialização com este breve teste de QA (Coeficiente de Autismo).

Siga-me no Facebook

Siga-me no YouTube