A melhor forma de se defender é ouvir o outro

Poucas coisas fazem a gente se sentir tão mal quanto receber uma bronca de um chefe ou de um colega de trabalho.

Quando alguém nos critica, nosso primeiro instinto tende a ser o de autodefesa: começamos a apontar todas as coisas que o outro faz errado e nós fazemos certo.

O problema é que nesses casos, mesmo que consigamos manter a calma - o que é improvável - e mesmo que os nossos argumentos tenham substância, essa reação só piora a situação.

Por isso, em vez de se precipitar para justificar os seus pontos, comece validando os sentimentos do colega.

Por exemplo, você pode dizer algo como: "Entendo como você se sente, Fulano, “ e descreva o que ele disse com as suas próprias palavras. Mostre que ouviu.

Pode parecer contra-intuitivo, mas ouvir alguém irritado, sem necessariamente concordar com seus pontos, é uma das melhores formas de desfazer um conflito.

Para mais dicas sobre negócios, inscreva-se aqui: claudionasajon.com.br/inscreva-se

Até a próxima!

Relatorio Gestão de Valor

Assine o relatório "Gestão de Valor" e receba mensalmente, por e-mail, um passo a passo detalhando uma estratégia para tornar a sua empresa mais rentável, escalável e autogerenciável!

claudionasajon.com.br/gestaodevalor

Comentários

comentários

Torne a sua empresa vendável

Os 5 passos que empresários escravizados pelas suas empresas estão usando para fazer crescer os seus negócios, ter mais tempo livre e construir empresas vendáveis.

Pílulas de Gestão

Para receber gratuitamente, por e-mail, vídeos, artigos e dicas sobre empreendedorismo e gestão empresarial, preencha os dados a seguir.

Sou contra SPAM! Seus dados estão seguros comigo.

Podcast “Gestão Empresarial” no iTunes

Quanto vale a sua empresa? Faça este teste e descubra!

Teste de estresse

Conheça o seu nível de estresse clicando na imagem abaixo e respondendo a algumas poucas perguntas.

Teste de autismo

Conheça a relação entre as suas habilidades técnicas e capacidade de socialização com este breve teste de QA (Coeficiente de Autismo).

Siga-me no Facebook

Siga-me no YouTube