Nasajon ganha Premio Fecomércio de “melhor empresa do setor de serviços” – como aplicar isso na SUA empresa?

Olá,

Na terça-feira, passada subi ao palco do Teatro SESC para, junto com meu irmão e sócio, Eduardo Nasajon, representar a Nasajon e receber o Prêmio de “Melhor empresa do setor de servicos”, concedido pela Fecomércio – Federação do Comércio do Rio de Janeiro.

Logo após a premiação, comentei para o público que há alguns negócios que se baseiam em características tangíveis como é o caso de roupas, relógios, comidas, nos quais as pessoas conseguem ver “com seus próprios olhos”, sentir “com suas próprias mãos”, sendo possível decidir com base nessas sensações. Mesmo em serviços, quando a estratégia do negócio se baseia em “menor preço” ou “localização mais próxima”, por exemplo, essas características podem ser comprovadas com alguma facilidade. Se esse for o seu caso, acho que vale a pena investir em certificações que atestem a qualidade do produto, ou do serviço, para aumentar a confiança dos clientes na hora de escolher entre o seu e o do concorrente.

De outro lado estamos nós, empresas como a Nasajon Sistemas, que se propõe a ter a “melhor equipe” e, com ela, prestar o “melhor serviço”, mas cujos produtos e propostas são totalmente intangíveis. Eu vendo software de milhares de reais acondicionado em um disco que você pode comprar por R$ 1,00 em qualquer mercado. Então, como mostrar ao cliente que meu serviço vale o que pesa? Dizer que temos o melhor serviço é tão crível quanto uma mãe que diz que seu filho é bonitinho (a propósito citei que a minha mãe me acha legal).

Mas quando não é a minha mãe e sim a Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ), organização formada por 61 sindicatos patronais fluminenses que representa os interesses de todo o comércio de bens e serviços do estado e reúne mais de 400 mil empresas que respondem por cerca de 60% do PIB e quase 90% dos estabelecimentos da região, quem diz que a Nasajon Sistemas é a “melhor empresa do setor de serviços”, o adjetivo ganha outra importância. Sem desmerecer a sempre válida opinião de nossas mães, creio que prêmios como este são mais que uma conquista, um necessário e útil reconhecimento externo, por entidades de renome, para aumentar a confiabilidade do que vendemos.

Então, se o seu caso é parecido com o meu, se você vende intangíveis, procure participar de tantos concursos quantos puder, fazer tantas pesquisas de opinião quantas lhe for possível para mostrar aos seus clientes que, comparativamente com os outros que oferecem propostas semelhantes, a sua é melhor – e quem diz não é sua mãe, e sim as entidades certificadoras. Isso, de uma forma geral, dá confiança e facilita as vendas, aumentando a rentabilidade do seu empreendimento.

Até a próxima.

Claudio Nasajon

Comentários

comentários

No Comments Yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ganhe investindo em startups

Empresas podem dar retornos bem superiores aos do mercado financeiro, mas é preciso saber identificar oportunidades. A partir de R$ 10mil é possível investir em negócios que, no meu caso, deram retorno de 10x, 20x e até 64x. Para conhecer o método, inscreva-se em Investidor10x.com

Aprenda a fazer animações digitais em 6 meses

Programa inclui:

  • Criação de avatares personalizados
  • Animação e sincronização labial
  • Apresentações de “quadro branco”

Para concorrer a uma bolsa integral, inscreva-se em Nasajon Educacional

Pílulas de Gestão

Para receber gratuitamente, por e-mail, vídeos, artigos e dicas sobre empreendedorismo e gestão empresarial, preencha os dados a seguir.

Sou contra SPAM! Seus dados estão seguros comigo.

Podcast “Gestão Empresarial” no iTunes

Quanto vale a sua empresa? Faça este teste e descubra!

Teste de estresse

Conheça o seu nível de estresse clicando na imagem abaixo e respondendo a algumas poucas perguntas.

Teste de autismo

Conheça a relação entre as suas habilidades técnicas e capacidade de socialização com este breve teste de QA (Coeficiente de Autismo).

Siga-me no Facebook

Siga-me no YouTube